Sexta, 23 de Julho de 2021
86 98114-0201
Polícia DENÚNCIA

Após morte da filha, pai acusa hospital de Barras de negligência

Mãe procurou o hospital e foi mandada de volta para casa

21/07/2021 20h27 Atualizada há 2 dias
Por: Redação Fonte: Longan.com
reprodução
reprodução

"É lamentável e muito triste o sentimento que eu estou sentindo nesse momento pela a perda de um anjo a minha filha Elisa , infelizmente o Hospital Leônidas Melo de Barras está cheio de profissionais incompetentes com decisões e conclusões incoerentes

", diz o educador físico e pai, Leandro Magno. em post na internet, tomado de dor pela morte da filha, um bebê ainda na barriga da mãe. 

Ele acusa de negligência o Hospital Regional Leônidas Melo

 e o próprio médico que atendeu, apesar de não declinar o nome do profissional.

Leandro conta que a esposa procurou o hospital, mas e que foi mandada de volta para casa

 e teve a ultrassonografia com a avaliação gestacional do bebê questionada. Esse posicionamento do hospital levou à morte da sua filhinha.

Larissa Reis, amiga do pai, achou a história parecida com a dela própria, mas só que com desfechos diferentes.  "Triste Leandro, sinto muito...eu tive uma decisão muito importante na minha gravidez . Algumas vezes fui ao hospital com pressão alta e lá eles medicavam e mandavam pra casa.

 Depois disso, tomei a decisão de ficar em Teresina até minha filha nascer e, por conta de uma pré-eclampsia, graças a Deus, os médicos durante uma consulta de rotina viram

 a situação. Eles me mandaram direto para maternidade

 onde tive minha filha de 34 semanas, parto prematuro e de urgência mais hoje estamos aqui nós duas salvas"

O caso de Leandro teve repercussão imediata nas rede sociais. Francisco Maranhão, amigo da família, comentou: "É lamentável essa situação acontecer nos dias de hoje com tanta informação e tecnologia.

 Forças meu amigo!! Deus irá cobrar por tamanha incompetência".

Raimundo Mito também comentou que não é a primeira vez que isso acontece: "É muito triste aceitar um acontecimento desses mais uma vez um caso desse no Hospital Leônidas Melo.

 

Veja a postagem do pai!

 

Ele1 - Criar site de notícias